top of page

A bunda incômoda de Anitta e a sombra de um país que nega liberdade ao corpo feminino

A bunda incômoda de Anitta e a sombra de um país que nega liberdade ao corpo feminino P/ Andréa Alencar

RESUMO: No último dia 27 de novembro, a cantora Anitta se apresentou na final da Copa Libertadores da América e sua apresentação agradou a alguns, enquanto outros criticaram veementemente alegando questões morais, afinal "crianças estavam na sala" neste horário. este texto se propõe a questionar os motivos pelos quais a performance de Anitta incomoda a tantos. A base para a discussão está no conceito de sombra de Carl Gustav Jung e na teoria dos complexos, voltando-se para a temática dos complexos culturais. Esta relação é estabelecida, a partir de uma discussão que leva em consideração a liberdade, ou melhor dizendo a não liberdade do corpo feminino em uma sociedade patriarcal, machista que se acostumou com a ideia de que o corpo feminino só deve ser exposto e explorado quando atender aos interesses dessa sociedade. Por que Anitta incomoda? Porque balança as estruturas dessa ordem.




2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page